R e v i s t a . e l e c t r ó n i c a . d e . f i c ç ã o . c i e n t í f i c a . e . f a n t á s t i c o

O Especialista

por Maria Helena Bandeira

conto publicado em 24.01.2002

republicado em 09.07.2003

Página: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6

3º Ato

O Honorável Sing Lo ultrapassou os portões da Universal Idea Company cercado por sete seguranças orientais.
Quando se aproximou do jatinho executivo preto que o levaria à sua residência, exatamente às dezessete horas, uma rajada de metralhadora laser, de fabricação iraquiana, separou seu corpo em duas metades.
Sua venerável cabeça rolou até o meio-fio e ficou oscilando até cair na sarjeta em meio a uma poça de sangue.
Essa imagem, projetada um milhão de vezes, percorreu o mundo em todas as estereovisões do planeta, apenas alguns segundos após o estrondo final.
Elas mostravam, também, um homem sendo preso rapidamente pelos seguranças e colocado no aerocar da Polícia Volante que desaparecia no céu contra o sol poente.
Um visual plástico e forte, pelo qual o editor da Transeuropean recebeu elogios do diretor e o cinegrafista foi cumprimentado com tapinhas insinceros pelos colegas.
Enquanto o mundo assistia, estarrecido, ao desenrolar das notícias e às imagens do Departamento de Pesquisa sobre a vida e a obra do Honorável Sing Lo, o Especialista era levado para a Prisão de Segurança Máxima nas montanhas de Thor e entregue ao Serviço de Informações.

Página: 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6

Gostou deste texto? Ajude-nos a oferecer-lhe mais!

 

O Especialista

Para Sempre Marte

in O Planeta das Traseiras